Comprar brinquedos sexuais não é tarefa fácil, são várias opções, modelos, cores, tamanhos, sabores, mais difícil ainda é comprar um vibrador, tem que ver qual modelo se encaixa melhor as suas necessidades, o tamanho, a intensidade que ele alcança, o material, a sua experiência na utilização dos mesmos, e principalmente o preço, afinal, a qualidade do produto está relacionada a ele, aqui nesse artigo daremos dicas de como escolher o melhor modelo de vibrador para você:

 

1. É o seu primeiro vibrador? Ou já está acostumada com o produto?

Se esse for o seu primeiro vibrador eu recomendo que comece comprando modelos mais básicos e mais baratos para ir experimentando e ver qual melhor se adapta ao seu corpo e qual você vai gostar mais, o melhor jeito de saber qual é o seu vibrador ideal é testando, e isso só acontece com o tempo.

Para o seu primeiro vibrador, a minha recomendação é um modelo bullet, pequeno, barato. Depois caso ache a necessidade, você pode melhorar, uma outra dica mega importante é tentar sempre que possível comprar vibradores que possam ser carregados com pilhas normais ou via rede elétrica, feitos de silicone, o melhor material. Outra dica importante é tentar encontrar vibradores que sejam a prova d’água, para poder usar durante o banho, por exemplo.

 

2. Você quer estimulação clitoriana ou não?

Outra coisa importante a se considerar na hora de comprar um vibrador é se você quer um que estimule o clítoris e a vagina, ou um que só estimule a vagina, como já abordado no artigo anterior, https://www.minhaseducao.com.br/blog/como-melhorar-a-estimulacao-feminina/, cada mulher tem sua preferência quanto a isso.

Caso sua resposta seja sim, há uma variedade de produtos que podem se adequar as suas necessidades, eu recomendo o modelo We-Vibe, um modelo bullet pequeno e muito potente, incrivelmente portátil, bom tanto para se usar junto com um parceiro/a ou sozinha.

Outro modelo muito recomendado para estimulação clitoriana são os vibradores do tipo varinha, com um grande alcance e uma cabeça macia e flexível com uma estimulação perfeita para o clítoris. O modelo varinha mágica é um dos melhores no mercado em relação a potência, leveza, conforto e conveniência, e é claro, prazer.

 

3. Qual a intensidade desejada?

Dependendo do modelo, tamanho e bateria do vibrador, a potência dele vai variar, como já é de se esperar, uma outra coisa a se ter em mente na hora de escolher o melhor modelo de vibrador para você é a intensidade do mesmo. Alguns modelos são mais potentes, não recomendados para mulheres com a genital mais sensível, outros mais lentos e fracos, o que estimula a vagina de forma constante por mais tempo, podendo prolongar a sensação de prazer.

Um modelo que recomendo muito é o Lelo, que pode ir de vibrações fraquíssimas, que mal dá pra sentir, até o extremo oposto, além de ser menos duro, praticamente um zumbido.

 

4. Qual o melhor modelo que cabe no seu orçamento?

Uma coisa muito importante na hora de se comprar qualquer tipo de produto, inclusive vibradores é o preço, mas um vibrador muito barato pode não ser muito durável ou te satisfazer completamente, e um muito caro pode vir a ser um mal investimento caso você ainda não saiba que tipo mais te agrada, então deve-se procurar um vibrador com o melhor custo-benefício para o seu bolso.

Espero que com as dicas dadas aqui nesse artigo você possa ter ficado mais esclarecida quanto ao tema e possa aproveitar melhor da sua sexualidade, sem precisar tanto do parceiro, ou até mesmo usando o vibrador a dois, não há limites para a imaginação.

Confira Nossos Produtos